O Custo da construção paulista subiu 0,34% em abril ante março, em R$ 1.179,19 por metro quadrado, e acumula alta de 0,82% em 2015. Em doze meses, a alta é de 6,69%, conforme dados do SindusCon-SP e FGV. O CUB (Custo Unitário Básico) da construção civil do Estado de São Paulo é calculado sobre as obras não incluídas na desoneração da folha de pagamentos e reflete a variação dos custos das construtoras para a utilização nos reajustes dos contratos de obras.

Os custos com materiais de construção aumentaram 0,88% em abril, enquanto os custos administrativos (salários dos engenheiros) e com mão de obra ficaram estáveis.

Em 12 meses, o CUB paulista registrou aumentos de 8,43% nos custos com a mão de obra, de 3,78% nos materiais e de 11,78% nos custos administrativos.

Já nas obras incluídas na desoneração da folha de pagamentos, o CUB subiu 0,36% em abril, totalizando R$ 1.097,64 por metro quadrado. Os custos com mão de obra e administrativos seguiram estáveis e os custos com materiais de construção subiram 0,88%. No ano, o indicador apresentou alta de 0,88% e em 12 meses, de 6,60%. Na mesma base de comparação, os custos com a mão de obra aumentaram em 8,49%, os de materiais em 3,78% e os custos administrativos em 11,78%.