São Paulo – O ex-ministro da Fazenda e deputado federal (PP-SP) Delfim Netto disse ontem que o País está “tratando muito mal” os investidores estrangeiros. A conta de transações correntes do balanço de pagamentos do Brasil com o exterior teve superávit de US$ 479 milhões em junho, mas o ingresso investimentos estrangeiros diretos foi de US$ 186 milhões, o menor desde abril de 1995. “Nós estamos tratando muito mal essa gente que investiu no Brasil. Nós não cumprimos contrato, nós confundimos tudo. Depois do apagão fizemos uma trapalhada no setor elétrico. Como alguém investirá no setor se não confia que assinado o contrato ele será cumprido?”, questionou.