Os bancários de todo o país estão mobilizados nesta terça-feira (21), Dia Nacional de Luta da categoria. Em Curitiba, o Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região realiza duas reuniões na manhã de hoje nas unidades administrativas da Caixa Econômica Federal da Praça Carlos Gomes e da Rua Conselheiro Laurindo, no Centro.

A intenção é pressionar a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) cobrando uma proposta que atenda às reivindicações dos trabalhadores durante a nova negociação que ocorrerá nesta quarta-feira (22), em São Paulo.

De acordo com o sindicato, não haverá paralisação nas agências de Curitiba e região metropolitana. A ideia é divulgar o andamento das negociações, que tiveram início em agosto, e unir a categoria em torno das principais demandas.

O Dia Nacional de Luta antecede a próxima rodada de negociação entre o Comando Nacional dos Bancários e a Fenaban, que tem início nesta quarta-feira (22). Entre as principais reivindicações estão reajuste salarial de 11% (aumento real e inflação do período), Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e Plano de Carreira, Cargos e Salários (PCCS).

Os trabalhadores ainda pedem melhores condições de trabalho e emprego, fim das metas abusivas e combate ao assédio moral. Caso não haja acordo, há um indicativo de greve a partir do dia 29 de setembro.