Em reunião com 23 empresárias dos mais diversos segmentos, a presidente Dilma Rousseff garantiu nesta terça-feira, 08, que a inflação está sob controle, demonstrou otimismo com os rumos da economia brasileira, destacou os investimentos do governo federal na área de infraestrutura e ouviu demandas de setores, prometendo criar comitês para dar prosseguimento às discussões.

“Este é um momento de otimismo realista”, disse a presidente na reunião, segundo relato de uma das participantes. Na reunião, que se estendeu por cerca de três horas no Palácio do Planalto, Dilma disse que os dados têm mostrado que a inflação está “totalmente sob controle” e observou que o dólar tem uma “flutuação natural”.

Dentre as empresárias presentes à reunião estavam as presidentes da TAM, Cláudia Ramires, da Pepsico Brasil, Andrea Alvarez, da Chevron Brasil, Eunice Carvalho, e do Magazine Luiza, Luiza Trajano. O encontro foi acompanhado pelos ministros Guilherme Afif Domingos (Secretaria da Micro e Pequena Empresa), Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) e Eleonora Menicucci (Secretaria de Mulheres).

Foco

A presidente disse estar empenhada em garantir que as riquezas do pré-sal resultem em avanços na área de educação, considerada por ela um dos focos da sua administração. Também afirmou que gostaria que o padrão da internet no País fosse o da Coreia do Sul e defendeu a desoneração da folha de pagamento, que, na avaliação dela, resultou em aumento da competitividade. Dilma também disse que é importante trabalhar com metas.

Nas três horas de conversa, a presidente também ouviu queixas das empresárias, que demonstraram preocupação com o fechamento de micro e pequenas empresas e com a falta de mão de obra qualificada. De acordo com uma das participantes, criticou-se a falta de “bons professores para formar bons técnicos”.

A presidente aproveitou a reunião para comentar as recentes manifestações no País, frisando que isso “é normal” e que as pessoas têm o direito de se manifestar.

Após o encontro, Dilma comentou a conversa no Twitter. Segundo a presidente, as empresárias falaram de “gestão, de empreendedorismo e da importância de qualificar profissionais especializados” e “destacaram o programa de igualdade de gênero da @SPMulheres por oportunidades iguais”.