O presidente do Banco da Reserva do Peru, Julio Velarde, disse que o Produto Interno Bruto (PIB) do país deve crescer 6,1% este ano, menos que a atual previsão do BC de crescimento de 6,3%.

O banco central prevê crescimento médio anual de 6,5% entre 2014 e 2016. Muitos economistas acreditam que o Peru continuará forte, apesar das exportações mais fracas.

O Barclays afirmou em um relatório que as exportações mais fracas e a “perda de otimismo no setor privado nos levou a cortar a previsão de crescimento em 2013 para 6,2%, de 6,6%”.

A economia do Peru cresceu 6,3% em 2012. O banco central vai divulgar previsões econômicas mais atualizadas na sexta-feira. Fonte: Dow Jones Newswires.