Um equipamento que dispensa fotolito e grava a chapa de impressão offset diretamente do computador, numa velocidade de sessenta chapas por hora, uma por minuto, chamada platesetter. Uma dessas máquinas está sendo importada da Bélgica pelo Grupo Paulo Pimentel, para revolucionar a produção dos jornais O Estado do Paraná e Tribuna do Paraná, a partir do início do próximo ano. O equipamento é produzido pela Agfa e é a última palavra em sensibilização de chapa sem a utilização de filme, através de raios laser violeta.

O Advantage Xm/Xs é capaz de finalizar para impressão 120 páginas de jornal por hora (cada chapa recebe duas páginas casadas), reduzindo em até uma hora o tempo atualmente gasto para transferir o material paginado nos computadores para as chapas que são levadas para impressão nas duas rotativas que equipam o parque gráfico da Editora O Estado do Paraná, na sede do Jardim Mercês.

A eliminação do fotolito na etapa de pré-impressão, além de agilizar o processo de confecção do jornal, melhora a qualidade das fotos e reduz o tempo de ajuste da rotativa e a quebra de papel de imprensa.

Para fechar o contrato de importação do novo equipamento e conhecer as instalações da Editora, estiveram em visita a O Estado e Tribuna do Paraná dois gerentes de sistemas gráficos da Agfa Gevaert, Paulo Amaral e Raul Gonçalves, em companhia do consultor de negócios Norberto Minetto. Foram recebidos pela diretora do Grupo Paulo Pimentel, Vera Lúcia Pimentel, e pelo diretor-comercial da Editora Rogério Florenzano, além do jornalista Mussa José Assis.