As encomendas à indústria da Alemanha subiram 2,2% em março, na comparação com fevereiro, em termos ajustados, informou o Ministério da Economia. O resultado surpreendeu os economistas consultados pela Dow Jones, que previam queda de 0,5%.

A demanda pelos bens manufaturados da Alemanha foi forte durante o mês de março. As encomendas estrangeiras aumentaram 2,7% em base mensal, enquanto as encomendas da zona do euro cresceram 4,2%. Internamente, as encomendas domésticas subiram 1,8% no mês.

No entanto, na comparação com março do ano passado as encomendas à indústria alemã permaneceram fracas. Houve queda de 6,0% nas encomendas de bens manufaturados em termos não ajustados. Com ajustes, o declínio anual foi de 0,4%. As informações são da Dow Jones.