O engenheiro eletricista Murilo Marques Barboza anunciou ontem, em discurso, ao tomar posse como novo presidente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), que não fará nenhum choque de gestão na empresa. Ele afirmou que dará continuidade às administrações de seus antecessores.

Marques Barboza – que é funcionário da Nuclebrás e já integrou o Conselho Fiscal da Infraero – disse que controlar 67 aeroportos é tarefa para profissionais sérios e competentes.