As exportações paranaenses totalizaram US$ 855,7 milhões no mês de março de 2009, assegurando ao Estado a quinta colocação no ranking nacional, com uma participação relativa de 7,2% no total das vendas externas do País. Os dados preliminares foram divulgados nesta terça-feira (7) pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

No acumulado dos três primeiros meses deste ano, as exportações do Paraná atingiram o valor de US$ 2,2 bilhões, o que representou decréscimo de -29% em relação a igual período de 2008, em consequência da retração da demanda internacional.

O declínio das exportações vem sendo registrado por quase todas as Unidades da Federação. De janeiro a março de 2009, as exportações gaúchas alcançaram US$ 2,5 bilhões, cifra que correspondeu a uma queda de 29,4% em comparação ao mesmo período do ano passado. Em relação às vendas externas de Santa Catarina, observa-se recuo de 21,9% no primeiro trimestre.

Apesar do cenário internacional desfavorável, as exportações paranaenses de alguns importantes produtos apresentaram alta, como é o caso da soja em grão. De acordo com estatísticas do Ipardes, os embarques da oleaginosa em 2009 geraram receitas de US$ 282,2 milhões até o mês de março, representando aumento de 25,4%. Ademais, verifica-se incremento de 60,9% nas exportações paranaenses de açúcar bruto, o que enfatiza ainda mais a pujança do agronegócio local.