O Sinalizador da Produção Industrial (SPI) de junho, já considerando os ajustes sazonais, não variou em relação a maio (0,0%), o que aponta estabilidade da produção industrial de São Paulo. Os dados foram divulgados hoje pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), que elabora o índice juntamente com a AES Eletropaulo.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) registrou alta de 2,4% da produção industrial paulista em maio na comparação com abril. Para o mesmo período, o SPI indicava 3,8%.

Segundo a FGV, se essa estabilidade em relação a maio for confirmada pelo IBGE, a variação da produção industrial em junho em relação ao mesmo mês do ano passado seria de -11% e, nos 12 meses até junho, o resultado ficaria em -6,2%, o que representaria o menor nível nessa comparação desde setembro de 1999.

Os resultados divulgados pelo IBGE para a produção industrial de maio mostraram queda de 11,6% em relação ao mesmo mês do ano passado e de 4,5% nos 12 meses encerrados em maio. O SPI indicava para maio uma queda de 9,9% em relação a maio de 2008 e de -4,3% nos 12 meses encerrados em maio.