Os gastos do consumidor nos Estados Unidos aumentaram 0,4% em julho, enquanto a renda pessoal avançou 0,2%, informou hoje o Departamento de Comércio do país. Em junho, os gastos e a renda ficaram estáveis. A alta dos gastos do consumidor em julho ficou em linha com a previsão de economistas. A previsão para a renda pessoal era de alta de 0,3%.

Com a aceleração dos gastos dos consumidores, a taxa nacional de poupança recuou levemente no mês passado, para 5,9%, ante 6,2% em junho. Muitos norte-americanos economizaram dinheiro diante da alta taxa de desemprego e do enfraquecimento da renda das famílias no país.

Preços

O índice de preços para gastos com consumo pessoal (PCE) subiu 0,2% em julho em relação a junho e avançou 1,5% na comparação com julho do ano passado, informou o Departamento do Comércio. O núcleo do PCE – que exclui os preços dos setores de alimentos e energia – avançou 0,1% em julho na comparação com junho e subiu 1,4% em relação a julho do ano passado. A previsão para o núcleo do índice era alta de 0,1% em julho ante junho. As informações são da Dow Jones.