Os consumidores norte-americanos gastaram de forma comedida em setembro antes da paralisação parcial do governo dos EUA, no último sinal de que a recuperação econômica continua em ritmo lento. Segundo o Departamento do Comércio dos EUA, os gastos com consumo subiram 0,2% em setembro ante o mês anterior.

O dado de agosto não foi revisado e continuou mostrando alta de 0,3%. Já a renda pessoal avançou 0,5% em setembro, após também subir 0,5% em agosto, número este que foi revisado de um aumento inicialmente estimado em 0,4%.

O resultado de gastos veio em linha com as expectativas, mas analistas consultados pela Dow Jones Newswires previam um avanço menor para a renda, de 0,3%.

O relatório de setembro também mostrou que os consumidores nos EUA estão poupando mais. A taxa de poupança do país subiu pelo quarto mês seguido e atingiu 4,9%, ante 4,7% em agosto. Fonte: Dow Jones Newswires.