O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, informou nesta quarta-feira, 8, que o governo estuda abrir o capital da Caixa Seguridade. Segundo Levy, a Caixa continuará 100% pública, mas será feita uma oferta pública para a atividade de seguros. Segundo Levy, a abertura do capital aumenta a governança e a transparência, além de reforçar e reforça o mercado de capitais.