A presidente da Petrobras, Graça Foster, negou que exista qualquer sinalização do governo para um reajuste de combustíveis. O comentário foi feito em resposta a pergunta de repórter sobre um possível aumento. “Não tem. Não tem sinalização. Não tem”, enfatizou a executiva nesta quarta-feira, 11.

“Faz parte do meu trabalho, todos os dias, cuidar da minha empresa. Tanto do ponto de vista da sua rentabilidade, da sua e economicidade e da reserva de informação”, acrescentou.

A presidente da Petrobrás também declarou que não foi identificado vazamento de informações no sistema da companhia. Segundo ela, não há chances de cancelamento do leilão do pré-sal no mês que vem. “Do que eu tenho de informação, do que está sobre a mesa, não há a menor possibilidade de mudança da data do leilão por conta dessa informação, que não é material. Não está identificada.”

Na avaliação dela, o Brasil á “um país tranquilo” e a Petrobras se preocupa permanentemente com segurança de informações. Graça disse que são expressivos os investimentos da petroleira em tecnologia da informação. A presidente declarou que a diretoria executiva aprovou, em menos de três semanas, uma mudança da política de segurança da informação. “Estamos permanentemente fazendo alterações”, disse. “Sabemos que tecnologia é tecnologia.”