O Índice de Confiança do Empresário Industrial do Paraná (Icei-PR) caiu 8,5 pontos no terceiro trimestre de 2008 em relação ao mesmo período de 2007, informou ontem o Departamento Econômico da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep).

O Icei-PR registrou em julho, agosto e setembro deste ano 50,4 pontos, o menor desde o segundo trimestre de 2006 (48), com a maior queda registrada em todos os terceiros trimestres desde o início da série pesquisada, em 2003.

O Índice de Confiança do Empresário Industrial é composto pelo Índice de Condições Atuais, que atingiu 49,9 pontos, e pelo Índice de Expectativas no Futuro Próximo, que apresentou 50,6 pontos.

A redução do Icei-PR é decorrente da queda no Índice de Expectativas no Futuro, que no trimestre passado foi de 58,9 pontos. “A expectativa do empresariado industrial paranaense quanto ao desempenho de suas empresas nos próximos seis meses caiu 8,3 pontos em relação ao trimestre passado. O motivo para esta redução da confiança é a crise financeira internacional, que se agravou em setembro”, afirma o coordenador do Departamento Econômico da Fiep, Maurílio Schmitt.