A taxa anual de inflação no Reino Unido ficou em junho abaixo da meta de médio prazo de 2% do Banco da Inglaterra (o banco central inglês) pela primeira vez em 21 meses, enquanto o índice de preços no varejo registrou sua maior queda desde que os registros foram iniciados em 1948, segundo dados oficiais divulgados pelo governo. O índice de preços ao consumidor subiu 1,8% em junho, na comparação com o mesmo mês do ano passado. Essa é a menor taxa desde setembro de 2007, informou o Escritório Nacional de Estatísticas.

Em relação a maio, a inflação em junho subiu 0,3%. Economistas esperavam alta de 0,3% no índice em junho, na comparação mensal, e de 1,9%, em relação a junho de 2008.

O núcleo do índice de preços ao consumidor, que exclui os preços dos setores de energia, alimentos, bebidas alcoólicas e tabaco, permaneceu em 1,6% em junho na comparação com o mesmo mês do ano passado, assim como esperava o mercado.

O Escritório Nacional de Estatísticas informou ainda que o índice de preços no varejo – medida de inflação doméstica geral mais conhecida – subiu 0,3% em junho em relação a maio e caiu 1,6% na comparação com junho do ano passado.

Economistas esperavam que o índice de preços no varejo caísse 0,5% em junho em relação a maio e cedesse 1,4% na comparação com junho do ano passado. As informações são da Dow Jones.