O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) registrou lucro líquido de R$ 702 milhões no primeiro semestre deste ano, o que representou um recuo de 83% em relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com a instituição, os “efeitos negativos sobre o lucro do banco vieram da diminuição dos resultados de participações acionárias”, de R$ 4,8 bilhões de janeiro a junho de 2008 para R$ 1,3 bilhão no primeiro semestre deste ano.

De acordo com o BNDES, essa queda nos resultados de participações acionárias se deu por causa da “interrupção do processo de venda de ações, em função de um mercado desfavorável”. Por meio de comunicado, o banco informa que as operações de desinvestimento no primeiro semestre resultaram em lucro de R$ 72 milhões, sendo que no mesmo período do ano passado o BNDES havia registrado lucro de R$ 4 bilhões com esse tipo de operação.

Outro fator que influenciou a redução do lucro do BNDES, conforme o comunicado, foi o aumento da despesa com provisão para risco de crédito, de R$ 1,1 bilhão de janeiro a junho, ante R$ 400 milhões do mesmo período do ano passado.