Um grupo de alguns milhares de manifestantes se reuniu do lado de fora do Parlamento grego nesta quinta-feira para protestar contra as medidas de austeridade anunciadas recentemente pelo governo.

O protesto, inicialmente pacífico, se transformou em confrontos com a polícia quando manifestantes lançaram garrafas e outros objetos e, mais tarde, coquetéis molotov em vários pequenos episódios de violência. A polícia respondeu atirando bombas de gás lacrimogêneo e granadas de efeito moral para dispersar os manifestantes.

A manifestação ocorreu no momento em que a votação final sobre as medidas de austeridade e o empréstimo para o país era iminente na Câmara. Os protestos ocorreram após grandes manifestações ontem, quando dezenas de milhares de pessoas tomaram as ruas em meio a uma greve geral que paralisou o país.

As manifestações violentas desta quarta-feira resultaram na morte de três funcionários de uma agência bancária no centro de Atenas, que pegou fogo ao ser atingida por coquetéis molotov atirados por um grupo de jovens anarquistas. As informações são da Dow Jones.