A meta de crescimento de 7,5% no Produto Interno Bruto (PIB) divulgada pela China é flexível, afirmou o ministro de Finanças do país, Lou Jiwei. “Nossa meta é de cerca de 7,5%, e 7,3% ou 7,2% contariam”, disse a repórteres.

O ministro adicionou que a criação de empregos é a principal meta do governo. A China anunciou o objetivo de criar ao menos 10 milhões de novos postos de trabalhos urbanos neste ano e manter o desemprego urbano formal em não mais de 4,6%. Fonte: Dow Jones Newswires.