Indicado pelo presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, ao posto de secretário do Tesouro, Steven Mnuchin entregou uma versão revisada de seu questionário enviado na semana passada ao Comitê de Finanças do Senado. Membros democratas do órgão apontaram que várias corporações nas quais Mnuchin constava como diretor não estavam na versão inicial. Além disso, ele incluiu US$ 95 milhões em ativos no setor imobiliário, dizendo que não havia entendido antes o questionário, que pede aos indicados que listem seus ativos nesse setor.

Entre as companhias em que Mnuchin era diretor e que não constavam da versão original da documentação está a Dune Capital International, sediada nas Ilhas Cayman. Mnuchin disse que as posições foram “inadvertidamente esquecidas” e que elas seriam incluídas na nova versão. Fonte: Dow Jones Newswires.