O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse nesta sexta-feira, 31, durante jantar com o governador do Ceará, Camilo Santana (PT-CE), senadores, deputados federais e secretários de governo que ele e todo o governo Dilma estão comprometidos com o reequilíbrio da economia brasileira.

Levy participa neste momento de jantar no Palácio da Abolição, sede do governo cearense, ao lado do governador e do deputado federal e líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE).

“Não vou falar aqui sobre economia”, disse Levy ao ser convidado pelo governador para dirigir uma palavra aos convidados. Mas não deixou de reiterar seu compromisso com o ajuste fiscal. O ministro se colocou à disposição dos parlamentares e dos secretários do Ceará e disse que seu gabinete é aberto.

Levy passou a sexta-feira no Ceará, entre Fortaleza e Pecém. Pela manhã, visitou o Complexo Siderúrgico Mário Covas e o Ceará Porto, ambos em Pecém, a 60 quilômetros da capital cearense. À tarde o ministro participou do encerramento das comemorações dos 63 anos do Banco do Nordeste de Desenvolvimento (BND).