O ano de 2010 começou com um fluxo cambial negativo no Brasil. Dados divulgados hoje pelo Banco Central (BC) mostram que o País perdeu US$ 1,768 bilhão no início de janeiro, em levantamento feito até o dia 8. Em igual período de janeiro de 2009, em meio à crise financeira, o Brasil havia perdido US$ 747 milhões.

No início de janeiro de 2010, a maior parte dos dólares saiu pela conta financeira, que amargou déficit de US$ 1,012 bilhão no período, resultado de saídas de US$ 6,166 bilhões e ingresso de US$ 5,153 bilhões. Nessa conta, estão concentradas as transferências de recursos para negociação de ações e títulos, investimentos produtivos e remessas de lucros.

No segmento comercial, o ano começou com a saída líquida de US$ 756 milhões, resultado de importações de US$ 2,692 bilhões e exportações de US$ 1,936 bilhão.

Mesmo com a saída de dólares na semana, o BC continua a comprar dólares no mercado à vista. Neste período, as reservas internacionais aumentaram em US$ 783 milhões, para US$ 240,214 bilhões (posição de 8 de janeiro).