O que fazer quando uma micro empresa necessita de apoio tecnológico para desenvolver um serviço ou produto e não sabe onde encontrar a melhor solução? A resposta pode estar em uma universidade ou centro de pesquisas em todo o território nacional. A partir de agora, micro e pequenas empresas já têm à sua disposição um serviço gratuito e em rede nacional que o ajuda a eliminar dúvidas e a encontrar as soluções mais inovadoras para seus problemas e o seu desenvolvimento.

Trata-se do Serviço Brasileiro de Respostas Técnicas (SBRT), que está funcionando desde o dia 22 de novembro. O objetivo do serviço é apoiar as micro e pequenas empresas de todo o País que têm dúvidas relacionadas à fabricação, melhoria de produtos, matéria-prima, fornecedores e outros temas. O serviço é operado por uma rede nacional de parceiros, interligando as seguintes instituições: Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, Departamento Regional do Rio Grande do Sul (Senai/RS), Sebrae, USP/Disque-Tecnologia, Universidade de Brasília (UnB/CDT), Fundação Centro Tecnológico de Minas Gerais (Cetec), Rede de Tecnologia do Rio de Janeiro (Redetec), Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) e a Rede de Tecnologia da Bahia (Retec/BA), com apoio do Ministério da Ciência e Tecnologia/Programa TIB/CNPq. Todas essas instituições, juntas, representam um considerável banco de informações à disposição das pessoas que utilizarem o serviço. No total, foram investidos R$ 2 milhões, com verbas do Ministério da Ciência e Tecnologia.

O serviço funciona da seguinte maneira: a demanda do empresário é incluída no banco de demandas do SBRT, cujo acesso pode ser realizado pela internet (http://sbrt.ibict.br), telefone ou um dos sete postos físicos espalhados no País. A partir daí, ela será encaminhada para especialistas ou departamentos específicos de alguma das instituições. A meta é que o empreendedor receba a solução em até oito dias.

"O objetivo é ter uma resposta sob medida para cada tipo de demanda", diz Eduardo José Siqueira Barbosa, coordenador do Serviço USP/Disque Tecnologia e um dos integrantes do SBRT. O leque de demandas, explica, abrange desde o pequeno artesão com uma dúvida simples sobre utilização de materiais ao empresário que necessita de orientações para tecnologia de segurança na sua empresa.

No Paraná, o melhor contato para quem prefere consultas pessoais ou por telefone é o Tecpar ( Instituto de Tecnologia do Paraná) – Endereço: Rua Prof. Algacyr Munhoz Mader, 3775, telefones (41) 316-3052/316-3051.