A Petrobras informou nesta quinta-feira, 6, que a produção total de petróleo e gás natural da Petrobras no Brasil, no mês de janeiro, foi de 2,310 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), 2,2% abaixo do volume produzido em dezembro de 2013, que foi de 2,362 milhões de boed. Incluída a produção operada pela Petrobras para seus parceiros, no Brasil, o volume de janeiro foi de 2,438 milhões de boed.

A produção exclusiva de petróleo da Petrobras no Brasil atingiu, em janeiro, a média de 1,917 milhão de barris de óleo por dia (bopd). Esse volume ficou 2,4% abaixo do produzido no mês anterior (1,964 milhão de bopd). Incluída a parcela operada para as empresas parceiras, a produção de petróleo, no Brasil, chegou a 1,997 milhão de bopd.

Segundo a companhia, a redução da produção de petróleo em janeiro em relação a dezembro decorreu principalmente da interrupção da produção na plataforma P-20, no campo de Marlim, para efetuar reparos nos danos causados pelo incêndio no sistema de produtos químicos da plataforma, e da parada para manutenção do FPSO Brasil, no campo de Roncador, ambas unidades instaladas na Bacia de Campos. A venda da participação da Petrobras no Parque das Conchas, antigo bloco BC-10, também impactou a produção do mês de janeiro. Com o desinvestimento, a estatal deixou de contabilizar uma produção de 12 mil bopd.

Ainda conforme o comunicado, a produção média mensal de petróleo dos campos localizados na chamada província do pré-sal, nas bacias de Santos e Campos, atingiu, em janeiro, a marca recorde de 358 mil bopd, superando em 13 mil bopd a média mensal obtida no mês de dezembro de 2013 (345 mil bopd).

Em janeiro, foram produzidos pela Petrobras 62,517 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural. Incluída a parcela operada pela estatal para as empresas associadas, o volume alcançou 70,140 milhões de metros cúbicos por dia. Segundo o comunicado, esse resultado foi equivalente ao nível atingido no mês anterior.

A extração total de petróleo e gás natural da estatal no exterior, por sua vez, foi de 202 mil boed em janeiro,correspondendo a um aumento de 7,2% em relação aos 188 mil boed produzidos no mês anterior. A produção exclusiva de petróleo foi de 112 mil bopd, 11,8% acima dos 101 mil bopd, produzidos em dezembro. De acordo coma companhia, esse aumento resultou da entrada em operação de dois novos poços no FPSO BW Pioneer, localizado nos campos de Cascade e Chinook, no Golfo do México americano.

A produção de gás natural no exterior foi de 15,154 milhões de metros cúbicos/dia (m?/d), 2,0% acima do volume produzido no mês de dezembro, que foi de 14,861 milhões de m?/d, “devido, principalmente, à normalização da produção nos campos da bacia Austral (Santa Cruz I, Santa Cruz I Oeste e Santa Cruz II), na Argentina, após paralisação sindical”.

A produção total informada à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) foi de 9.395.718 metros cúbicos de óleo e 2.278.032.000 metros cúbicos de gás em janeiro de 2014. Esta produção corresponde à produção total das concessões em que a Petrobras atua como operadora. Não estão incluídos os volumes do Xisto, LGN e produção de parceiros onde a estatal não é operadora.