Os contratos futuros de petróleo encerraram com valorização na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex) e na Intercontinental Exchange (ICE, de Londres). Na Nymex, o nível de fechamento é o mais alto dos últimos dez meses. Operadores disseram que os dados dos estoques norte-americanos na semana passada não bastaram para aliviar os temores do mercado quanto à oferta.

Os preços recuaram momentaneamente depois da divulgação do informe semanal sobre estoques do Departamento de Energia dos Estados Unidos (DoE). Embora os estoques tenham crescido mais do que os analistas previam, isso logo foi contrabalançado por uma nova leva de notícias sobre a violência na Nigéria.

Os preços do petróleo tipo Brent negociado em Londres aceleraram sua alta rapidamente em reação à notícia de um ataque de guerrilheiros contra instalações da Royal Dutch Shell no campo de Soku, no delta do rio Níger, e ao informe sobre o seqüestro de uma menina de três anos, filha de um funcionário britânico, na mesma região.

Na Nymex, os contratos de petróleo bruto para agosto terminaram a US$ 71,81 por barril, com valorização de US$ 0,40 ou 0,56%. A mínima foi em US$ 70,82 e a máxima em US$ 72,35. Na ICE, os contratos do petróleo Brent para agosto fecharam a US$ 74,75 por barril, com ganho de US$ 1,70 ou 2,33%, com mínima em US$ 72,85 e máxima em US$ 74,93. As informações são da Dow Jones.