O Instituto Nacional de Estatística do Peru (Inei) informou que o PIB do país cresceu 7,65% em abril, em comparação com o mesmo mês do ano passado. Essa taxa de crescimento é a maior desde abril de 2011 e superou a expectativa do próprio Banco Central do Peru, que era uma expansão de 7,4%. Em comparação com março, o PIB cresceu 0,8% em abril.

Segundo o Inei, o crescimento foi liderado pelo setor de construção civil, que teve uma expansão anual de 26,48%, a maior desde 2008. O setor de comércio varejista teve um crescimento de 7,46%, o de transportes e comunicações cresceu 8,08%. O setor agrícola cresceu 3,15%, o industrial cresceu 4,40% e o de serviços financeiros cresceu 9,85%. O de mineração e hidrocarbonetos teve expansão de 7,79%, a maior desde janeiro de 2009. O setor de pesca, porém, teve uma contração de 9,75%.

O Inei também disse que a taxa de desemprego na região metropolitana de Lima ficou em 5,7% no trimestre março/maio, de 5,6% no período fevereiro/abril. Fonte: Dow Jones Newswires.