O índice de atividade dos gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor de serviços da China medido pelo banco HSBC recuou para 52,4 em setembro, frente a 52,8 em agosto. Acima de 50, a leitura indica expansão da atividade não industrial em relação ao mês anterior.

“O crescimento do setor de serviços da China parece estar se estabilizando em um ritmo mais rápido do que no segundo trimestre”, avaliou Qu Hongbin, economista-chefe do HSBC na China. “Combinado com a melhoria gradual do PMI industrial, a economia chinesa ainda está no caminho de uma recuperação modesta”, acrescentou Qu.

No setor de serviço, as novas encomendas continuam a aumentar em setembro, em um ritmo mais lento que em agosto.

Na quinta-feira, a Federação Chinesa de Logística e Compras informou que o índice oficial de atividade dos gerente de compras do setor de serviços acelerou em setembro para 55,4, atingindo a máxima de seis meses, de 53,9 em agosto. Fonte: Dow Jones Newswires.