Na próxima segunda-feira (28), às 10h, a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) fará um leilão das sobras de soja em grão, e em farelo, dos silos públicos para ajudar o Programa do Voluntariado Paranaense (Provopar). No total, serão leiloadas 3,2 toneladas de soja em grão e 1,5 tonelada de farelo de soja, apurados com a varredura do silo, a partir da devolução da retenção técnica aos operadores portuários.

?O compromisso é de que os recursos possam ser usados para assistir às comunidades mais carentes do litoral. Acreditamos que esse leilão gere entre US$ 1 milhão e US$ 1,2 milhão para investimentos?, calcula o superintendente da Appa, Eduardo Requião.

Com isso, acrescenta, o porto finaliza as questões referentes às sobras da retenção técnica, com a devolução aos operadores e o leilão ao Provopar. Outras 336 toneladas de soja em grão serão destinadas para o programa social da Appa ?Vaca Mecânica?, para produção de leite que será distribuído gratuitamente às pessoas carentes.

A destinação das sobras da retenção técnica dos últimos três anos é resultado de um processo transparente feito pelo Porto de Paranaguá nas operações de embarque dos grãos pelo silo público.

A devolução feita aos exportadores, no início de novembro representou a entrega de 8,5 mil toneladas de soja em grão e 4,8 mil toneladas de farelo. A reserva técnica é equivalente a 0,25% da carga escoada pelos silos públicos do Porto pelos exportadores.