Os preços de produtos comprados por meio do comércio eletrônico caíram 0,95% em agosto ante julho, de acordo com o Índice de Inflação na Internet (e-flation), calculado pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Varejo e Mercado de Consumo (Ibevar) em parceria com o Programa de Administração de Varejo (Provar).

Em 12 meses, os preços tiveram queda de 0,44%. Em relação ao mês anterior, o índice apresentou recuo de 2,05 pontos porcentuais (de +1,10% para -0,95%) e queda de 3,33 pontos porcentuais em relação ao mesmo mês do ano passado, quando se apurou inflação de 2,38%.

Das dez categorias avaliadas, sete apresentaram deflação mensal: Brinquedos (-0,67%), Cine e Fotos (-4,65%), Eletrodomésticos (-1,82%), Eletroeletrônicos (-1,66%), Informática (-4,69%), Livros (-8,41%) e Telefonia e Celulares (-1,44%). As demais categorias contabilizaram inflação: CDs e DVDs (6,42%), Medicamentos (1,52%) e Perfumes e Cosméticos (12,83%).