O governador Roberto Requião inaugurou ontem, no terminal Ponta do Félix (Litoral do Estado), uma câmara para frigoríficos que amplia de 7 mil para 14 mil toneladas a capacidade de armazenamento de carnes congeladas no Porto de Antonina, resultado de investimentos de US$ 3,5 milhões. “É um empreendimento digno de elogio”, disse o governador, que, no entanto, criticou a forma como a administração anterior alocou recursos para a privatização do terminal.

“Apesar do estelionato ocorrido no passado”, acrescentou, “acredito no porto e neste esforço notável para praticamente duplicar a capacidade de receber e exportar produtos frigorificados”. Ainda de acordo com Requião, “é possível potencializar ainda mais o uso do porto com uma extensão ferroviária até o terminal e com serviços de dragagem para o recebimento de navios de maior porte”.

O governador também inaugurou o novo posto de controle da Claspar – Empresa Paranaense de Classificação de Produtos, no Porto de Paranaguá.