A intensificação da colheita de trigo e a colheita do milho safrinha elevam as expectativas de uma safra cheia em 2010 no Paraná. A pesquisa mensal divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira (09), referente ao mês de agosto, aponta que serão colhidas no Estado um volume total de 31,84 milhões de toneladas, a maior produção do País.

No Brasil, segundo o IBGE, a safra nacional de grãos indica uma produção de 148 milhões de toneladas, superior em 10,5% à obtida em 2009 (134 milhões de toneladas), 1,1% maior que a estimativa anterior e também 1,4% superior à safra recorde de 2008, que foi de 146 milhões de toneladas.

Nessa avaliação do IBGE para 2010 o Paraná mantém a liderança na produção nacional de grãos, ultrapassando em 2,4% o Mato Grosso que no ano passado ocupou essa posição, tendo em vista os prejuízos que a safra paranaense de 2009 sofreu devido às adversidades climáticas, como seca no início do ano, geadas em junho e chuvas excessivas no período final das culturas de inverno.

Para o secretário da Agricultura e do Abastecimento, Erikson Camargo Chandoha, a preocupação no Paraná neste momento é a normalização do tempo para o plantio da safra de verão 2010/11, a principal plantada no Estado. Segundo o secretário, existem muitas áreas preparadas aguardando o retorno das chuvas em volume expressivo que permita manter o plantio de milho e o encerramento do plantio de feijão da primeira safra.

Se por um lado a necessidade é manter o plantio da safra de verão, a escassez de chuvas está beneficiando o encerramento da colheita de café e a continuidade da colheita da safra de trigo. Por fim, a preocupação também se estende em relação às pastagens de inverno, que por estarem em final de ciclo, também estão prejudicadas pela falta de chuvas.

Segundo previsões meteorológicas, existe a possibilidade da entrada de uma nova frente fria pelo Sul do Brasil a partir deste sábado (11), a qual poderá modificar o clima com a possibilidade de chuvas na região Sul do País. Em relação ao mercado, os produtores também estão otimistas com possível melhora de preços para o trigo comandada pela reação ocorrida no mercado internacional.

Produção 2010

A colheita do trigo e do milho safrinha, em andamento no Paraná, está apresentando rendimento elevado e o volume previsto está acima das expectativas preliminares. Segundo o IBGE, a segunda safra de milho é 42,3% maior que a anterior (2009) e a safra de trigo é 25,7% maior em relação ao ano passado.

Conforme a pesquisa mensal do Instituto, o Paraná está colhendo um volume total de 6,37 milhões de toneladas de milho da segunda safra. No mesmo período do ano passado colheu 4,48 milhões toneladas. Com esse volume, o Estado produziu 13,3 milhões de toneladas entre as duas safras (verão e safrinha), se destacando como o maior produtor nacional de milho.

O trigo deve atingir uma produção de 3,12 milhões de toneladas, conforme reavaliação do IBGE. No ano passado, foram colhidos 2,48 milhões de toneladas do grão.

A produção total de feijão no Estado ficou praticamente estável em relação ao ano passado, quando foi colhido um volume de 787.180 toneladas entre as três safras colhidas no Paraná. Este ano a previsão aponta para uma produção de 780 mil toneladas, uma ligeira queda de 1%. A produção de soja, com colheita já encerrada, é de 14 milhões de toneladas.