As saídas de capital da China perderam força em outubro, à medida que o crescimento estável do país ajudou a contrabalançar efeitos externos, segundo dados da Administração Estatal de Câmbio (Safe, na sigla em inglês).

No mês passado, os bancos chineses venderam US$ 14,6 bilhões líquidos em moeda estrangeira, ante US$ 28,4 bilhões em setembro, informou a Safe.

Na avaliação da Safe, a expansão chinesa deu novos sinais de estabilização em outubro, o que ajudou a conter a saída de recursos do país. Fonte: Dow Jones Newswires.