A Standard & Poor manteve nesta sexta-feira os seus ratings de crédito soberano de curto e longo prazo em moeda estrangeira e local para a Grécia.

A redução do déficit em conta corrente da Grécia, a consolidação do orçamento e a melhora da competitividade indicam que a economia do país está se encaminhando para um reequilíbrio, sinalizou a S&P em relatório.

“Nós acreditamos que os membros da zona do euro permanecem determinados a preservar a adesão grega à zona do euro e estamos afirmando os nossos ratings de crédito soberano “B-/B” sobre a Grécia”, avaliou a agência de classificação de risco. “A perspectiva do rating de longo prazo é estável, já que temos a visão do compromisso do governo com o ajuste fiscal e estrutural”, completou.

A agência de classificação de risco espera que o produto interno bruto (PIB) grego recue 4% em 2013 e caia 1% em 2014. A S&P acredita que em 2015 o PIB grego volte ao território positivo e suba 1%. Fonte: Dow Jones Newswires.