As vendas de materiais para construção no varejo cresceram 3,7% em agosto sobre julho, de acordo com estudo realizado pelo Ibope Inteligência a pedido da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco). Na comparação com agosto de 2009, o indicador mostra acréscimo de 9,5%. No acumulado de janeiro a agosto, as vendas no segmento aumentaram 10,6% em relação a igual período do ano anterior.

O resultado, conforme a entidade, confirma tendência de alta do setor, que deve crescer 11% em 2010. Em 2009, o setor atingiu faturamento de R$ 45,04 bilhões, um recorde histórico.

Segundo o estudo, o setor de tintas apresentou o melhor desempenho, com alta de 7,3% nas vendas. Os segmentos de aço, telhas e tubos de PVC ficaram praticamente estáveis, com crescimento de 0,5% – um pouco inferior ao obtido no mês de julho. O segmento de argamassas cresceu 4,9% no mês, seguido pelos setores de revestimentos cerâmicos, com acréscimo de 4,5%, interruptores (4%), cimento (3,6%), fios (3,3%) e metais sanitários (3,3%).

Para o presidente da Anamaco, Cláudio Elias Conz, o otimismo dos revendedores tem chamado a atenção da entidade. “Quando perguntamos sobre a perspectiva de vendas para setembro, 68% dos entrevistados responderam que elas serão ainda melhores”, ressalta Conz.