A operadora móvel Vivo obteve lucro líquido de R$ 236,0 milhões no segundo trimestre deste ano, o que representa crescimento de 29,9% em relação ao mesmo período de 2009.

O Ebitda (lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização) alcançou R$ 1,342 bilhões, aumento de 10,6% sobre o segundo trimestre de 2009, com margem Ebitda de 30,5%, ou 0,2 ponto porcentual acima de igual trimestre do ano passado.

A receita líquida da empresa teve alta de 9,9% na mesma comparação, para R$ 4,401 bilhões. As despesas financeiras líquidas ficaram em R$ 101,1 milhões, valor 17,1% menor em relação aos R$ 121,9 milhões negativos do segundo trimestre de 2009.