A possibilidade de firmar convênios para capacitar professores da rede estadual de ensino em língua inglesa e no ensino de inglês à distância, foi apresentada hoje à superintendente da Secretaria de Estado da Educação, Yvelise Arco-Verde, por professores da Universidade do Estado de Queensland, na Austrália.

A comitiva australiana, formada pelos professores Mella Beaumont, Fiona Moris e David Nelson, destacou que o Estado de Queensland busca informações sobre os principais problemas da área de educação na América Latina e detectando formas para que a Austrália possa colaborar com o desenvolvimento do ensino na região.

Para desenvolver o trabalho de estudo da viabilidade da parceria, a universidade escolheu três países: Brasil, México e Chile. No Brasil foram escolhidos os estados do Paraná, Minas e São Paulo, por apresentarem, segundo o representante do consulado da Austrália no Brasil, Marcos Soares, similaridades com aquele estado. ?O Paraná é forte em agricultura, ecoturismo e ambiente, que também são áreas em que Queensland é destaque?, ressaltou. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)