O presidente da CPI dos Bingos, Efraim Morais (PFL-PB), disse há pouco que hoje à tarde vai telefonar ao ministro da Fazenda, Antonio Palocci, para convidá-lo a depor na comissão na próxima semana. Efraim lembrou que, depois de protelar seu comparecimento à comissão, Palocci enviou carta à CPI em dezembro dizendo que estaria disponível para prestar depoimento neste ano, logo que fosse chamado.

De acordo com o senador, se o ministro, no entanto, continuar resistindo, vai colocar em votação requerimento para que Palocci seja convocado a depor.

A CPI dos Bingos reinicia suas atividades hoje ouvindo o depoimento do ex-secretário de Finanças de Campinas e de São José dos Campos, Paulo de Tarso Venceslau. Ele foi o primeiro a denunciar, em 1997, a existência de um esquema para abastecer caixa 2 do PT, com dinheiro das prefeituras do partido.