O volante brasileiro Elano, autor de dois gols nesta Copa do Mundo, foi descartado da partida contra a Holanda na sexta-feira pelas quartas de final, devido a uma lesão sofrida na partida contra a Costa do Marfim, informou nesta quarta-feira o doutor José Luiz Runco.

O médico da seleção brasileira disse que o jogador do Galatasaray da Turquia continuará “descansando até o final de semana”, o que o deixa fora do jogo contra os holandeses, na sexta-feira, em Port Elizabeth, mas não previu quanto tempo sua recuperação levará.

“Pode durar alguns dias, algumas semanas ou alguns meses”, disse Runco, acrescentando que ainda não sabe se Felipe Melo e Julio Baptista estarão à disposição de Dunga para a partida contra a ‘Laranja’.

“É cedo demais” para saber, disse o médico, que concedeu uma entrevista coletiva à imprensa ao lado de Elano e Juan, autor do primeiro gol da vitória de 3-0 sobre o Chile, na sede da concentração brasileira no clube de golfe RandPark, em Randburgo, próximo a Johannesburgo.

Elano sofreu uma lesão no astrágalo, um dos ossos do tarso, que está articulado com a tíbia e o perôneo, explicou Runco.

Embora Elano tenha admitido que está triste, disse que mantém a “esperança” de se recuperar logo.

“Estou trabalhando todo dia com o doutor. Estou muito otimista, passei tantas dificuldades em minha vida”, acrescentou o jogador, que marcou um gol na vitória de 2-1 sobre a Coreia do Norte e outro no triunfo de 3-1 sobre a Costa do Marfim pelo grupo G do Mundial.

Felipe Melo e Julio Baptista, que não treinaram na terça-feira, se contundiram no empate em 0-0 com Portugal, que garantiu ao Brasil o primeiro lugar do grupo G.