Existe no mercado várias franquias que, com pouco investimento, é possível ser um franqueado. A grande vantagem é que as marcas já vêm com um modelo de gestão, aval do franqueador e suporte técnico. Com boa vontade e espírito empreendedor, não tem como errar.

Hoje em dia várias delas já criaram o modelo “home office”, em que não é preciso ter um ponto comercial para trabalhar e os custos são bem menores, já que se trabalha em casa ou no local do cliente, dependendo do serviço.

Confira as franquias que a Tribuna do Paraná selecionou e mais a opinião do consultor da Associação Brasileira de Fransiching (ABF) sobre o assunto.

Coxinha Rei

Investimento: R$ 597

A rede de Franquias baratas Coxinha Rei é considerada a franquia mais barata do país. Nessa franquia, o empresário terá direito a uso da marca “Coxinha Rei“, terá todo suporte para a produção e fabricação de coxinhas da melhor qualidade e ainda vai vender ou revender na sua cidade. Uma ótima oportunidade num segmento que está sempre em alta: alimentação. O franqueador oferece treinamento, material de marketing, planilha de gestão e margem de lucro de até 400%. O investimento dá direito à máquina de fazer coxinhas, embalagens e coxinhas congeladas.

Veja mais no site

Vitturia Cosméticos

Investimento

De R$ 300 a R$ 5 mil, dependendo da opção de franquia.

Com fábrica em Cambé, a Vitturia Cosméticos tem 18 anos de mercado e  oferece dois modelos de franquias, o “Home Office” (R$ 300), corners para salões de beleza e clínicas estéticas (R$ 5 mil). Mas quem quiser montar uma loja também é possível, só que o investimento sobe para R$ 50 mil. O franqueador trabalha no sistema de pontos, ou seja, quanto mais se vende, mais pontos se ganha e consequentemente, mais descontos são dados. São mais de 360 produtos dentro da linha.

Veja mais no site

Jan Pro Limpeza Comercial

Investimento: R$ 5 mil

Voltada para sistema de limpeza, a franquia usa tecnologia de limpeza Enviroshield, um sistema de desinfecção que utiliza uma tecnologia que aplica um produto de limpeza desinfetante de forma eletrostática, conseguindo cobrir 100% da área a ser desinfetada. Nela, é possível ser um Microempreendedor Individual (MEI). Também é considerada a maior franquia de limpeza do país.

Veja mais no site

Disk Manicure

Investimento: R$ 5 mil

Pioneira em prestar serviços de manicure e pedicure em domicílio no Brasil, a Disk Manicure foi fundada em 2007 e em 2009 passou para o sistema de franquia. Ela tem aplicativo para as clientes marcarem os serviços, que custam entre R$ 35 e R$ 65. As profissionais vão até a casa ou emprego da cliente. Trabalha por agendamento, ou não.

Veja mais no site

Sandaliaria Express

Investimento: R$ 3 mil

A franquia atua na venda de sandálias e chinelos através de lojas virtuais. O franqueado tem sua própria loja virtual e precisará apenas vender. Toda a logística e entrega ficará por conta da Sandaliaria Express. São centenas de modelos de sandálias disponíveis para a venda. Vende sandálias personalizadas, para pessoas físicas e empresas.

Veja mais no site

10 dicas de quem entende de franquias

1)Procure ser conservador, não escolha investimentos que consumam 100% do seu capital pois você precisará de uma reserva de segurança para gastos não previstos;

2) Caso você não tenha uma outra fonte de renda, terá que fazer uma reserva para cobrir suas despesas pessoais pelo menos nos oito primeiros meses de funcionamento da operação, pois neste período normalmente você não poderá fazer retiradas, uma vez que o negócio ainda estará em fase de maturação e na maioria dos casos estará abaixo do ponto de equilíbrio, apresentando resultado negativo (prejuízo).

3) Verifique se as marcas escolhidas são associadas da ABF (Associação Brasileira de Franchising). Um importante ponto a favor é checar se a marca possui o Selo de Excelência em Franchising (chancela concedida pela ABF às melhores redes franqueadoras);

4) Comparar se as taxas cobradas são próximas às taxas cobradas pela marcas concorrentes. Solicite o Demonstrativo do Resultado do Exercício (D.R.E.) previsto para sua operação;

5) Avaliar a taxa de lucratividade e rentabilidade sobre o investimento;

6) Calcular o retorno do investimento (payback médio no Brasil – 36 meses);

7) O retorno do investimento deverá ocorrer num prazo inferior ao término do contrato de franquia que normalmente é de 60 meses. Assim você terá tempo não só para retornar o investimento mas também para aferir lucro até o final do contrato;

8) Solicite a lista de franqueados da rede e escolha aleatoriamente alguns deles para visitar. Na visita você deverá verificar a satisfação deles com o negócio, se as promessas de retorno estão sendo cumpridas e o nível dos serviços prestados pela franqueadora.

9) Visite as lojas da região, fale com as vendedoras e pergunte sobre o fluxo e venda;

10) Identifique marcas concorrentes e tente avaliar o resultado que estão obtendo;

Fonte : Juarez Leão da Leão Business Upgrade