O espanhol Marc Coma venceu a terceira etapa do Rally Dakar na categoria motos – disputada entre as cidades marroquinas de Nador e Er Rachidia – com uma vantagem de 56 segundos sobre o americano Chris Blais, e de 2min57s sobre Isidre Esteve, que é o novo líder da corrida na nas motos.

Coma, que é o atual campeão da prova, fez um tempo de 3h07min39s e conseguiu superar Blais, que havia registrado as melhores marcas nos pontos intermediários de cronometragem.

Esteve, terceiro nas duas primeiras etapas, chega à liderança com uma vantagem de 26s sobre Coma, e de 1 minutos e 3 segundos sobre o francês David Casteu. O francês Cyril Despres, vice-campeão no ano passado, perdeu 22min26seg, e se afastou da liderança geral.

Jean Azevedo chega em oitavo

O piloto brasileiro Jean Azevedo foi bem e terminou a prova na 8.ª colocação. O piloto ficou 10min46seg atrás de Coma. Com o resultado, Jean deve melhorar na classificação geral do Dakar. Até agora ele conquistou seis colocações e está em 10.° segundo o site oficial do rali.

A etapa teve um total de 648 quilômetros, sendo 252 de especial. O traçado da especial de hoje privilegiou a navegação e surpreendeu os mais desatentos. Os pilotos Ennio Cucurachi, Peter Stijkel e Cornelis Karremans erraram a navegação logo no início e andaram cerca de quatro quilômetros até voltarem para a trilha correta.

Já o norte-americano James Embro abandonou a competição durante a especial de hoje. Sem razões aparentes, o piloto fez a volta e retorna para a cidade de Tânger.