Roger Federer continua em sua caminhada rumo ao título do primeiro Grand slam do ano, o Aberto da Austrália. Hoje, o suíço número um do mundo bateu o russo Mikhail Younzhny por 3 sets a 0 e está nas oitavas-de-final do torneio. Seu adversário será o sérvio Novak Djokovic.

Concentração desde o início da partida. Esta foi a chave para a vitória de Federer por 6/3, 6/3 e 7/6 (7/5). O suíço esqueceu a irritação de seus primeiros jogos na competição abriu vantagem no quarto game e fechou o primeiro set com certa tranqüilidade.

No final Federer chegou a abrir uma vantagem de três games quando passou a errar bolas fáceis e deixou o russo reagir. Na base da garra, Youzhny levou o set para o tie-break, mas o suíço mostrou porque está no topo do ranking, teve calma nos momentos decisivos e fechou com um 7/5.

Federer já enfrentou o sérvio duas vezes na temporada passada. Em abril, na primeira fase do Masters Series de Monte Carlo, chegou a perder um set para Djokovic, no saibro. Mas em setembro na disputa entre Suíça e Sérvia pela Copa Davis, venceu o jovem tenista com facilidade.