Começa hoje em Foz do Iguaçu o Retiro Nacional dos Bispos do Colégio Episcopal da Igreja Metodista. O evento ?realizado anualmente? tem o objetivo de promover pesquisas e estudos, para posteriormente serem distribuídos para Brasil. O retiro acontece no Foz Presidente Hotel até dia 24 de junho.

Durante o encontro, as autoridades máximas da Igreja Metodista estarão fazendo orações pela situação do país, visando transmitir palavras de ânimo para a sociedade. Um dos temas que serão debatidos são as eleições municipais deste ano.

O evento também vai contar com a participação direta dos bispos eméritos (aposentados), que desenvolvem atividades nas mais diversas áreas de atuação da igreja.

Segundo o reverendo Manoel Sidnei Lopes Carvalho, a Igreja Metodista no Brasil é dividida por oito regiões e cada região possui um bispo representante. “Teremos em Foz do Iguaçu a presença dos bispos que são autoridades máximas da igreja no território nacional. Este retiro será marcado por estudos aprofundados que beneficiará cristãos de todo país”, explicou.

Sidnei considera que a Igreja Metodista é uma das igrejas no Brasil que mais têm contribuído para o crescimento e desenvolvimento da educação no país com diversas escolas e universidades. Além disso, a igreja desenvolve trabalhos sociais nas áreas mais carentes da sociedade.

O Colégio Episcopal é o órgão responsável pela supervisão da ação missionária e pastoral da Igreja Metodista, assegurando o pleno cumprimento do planejamento para a vida e a missão, preservando a unidade da Igreja no que se refere à área teológica, pastoral e de educação cristã. Compete ao colégio dar à Igreja a orientação quanto a doutrina e aos princípios de fé, moral e ética cristã, entre outros.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 572 1136, com o reverendo Sidnei.