As companhias aéreas Gol e TAM anunciaram hoje vôos extras para este fim de semana, para atender ao aumento da demanda registrado com a crise da Varig.

A Gol informou que colocará 47 vôos de reforço. Os vôos estarão em operação na sexta-feira (23), domingo (25) e na segunda-feira (26), em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba, Florianópolis e Belo Horizonte. Há vários destinos e horários disponíveis.

Além dos vôos de reforço, a companhia afirma que colocou mais um avião em sua frota para atender ao aumento do fluxo de passageiros. Desde terça-feira, a 49ª aeronave da empresa atende as cidades de Vitória, Guarulhos, Goiânia, Brasília e Teresina.

A TAM também anunciou novos vôos: serão 10 vôos extras no sábado (24) e no domingo (25) ligando o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, com as cidades de Brasília, Porto Alegre e Curitiba. Serão seis vôos a mais no sábado e quatro no domingo – dia em que haverá também conexão extra entre Brasília e Manaus. Ontem, a TAM anunciou que terá 14 vôos de reforço em Congonhas hoje e amanhã. Serão, portanto, 24 freqüências a mais entre hoje e domingo.

Novo leilão

O sócio da consultoria Alvarez & Marsal, Marcelo Gomes, responsável pelo processo de recuperação judicial da Varig, explicou que a Justiça irá cancelar o leilão e chamar uma nova assembléia de credores caso a entidade Trabalhadores do Grupo Varig (TGV) não deposite o sinal de US$ 75 milhões para a compra da companhia aérea. O executivo não quis comentar a proposta de US$ 500 milhões feita ontem pela VarigLog. Mas se mostrou confiante de que a TGV deposite os recursos. "Acredito que uma empresa que fez proposta em leilão tenha noção de sua responsabilidade. Se isso não acontecer, irá me assustar muito.