O respeito do Rubro-Negro ao encarar um clássico do porte de um Atletiba é tão grande que a expectativa em torno da estréia do goleiro Diego ficará armazenada para o jogo contra o Grêmio Maringá, quarta-feira, na Arena. Escaldados por exemplos do passado e conscientes que é muita responsabilidade estrear numa fogueira dessas, a comissão técnica do Atlético resolveu poupar o jogador e esperar mais um pouco para contar com o melhor camisa 1 do Brasileirão 2002. Com isso, Cléber permanece como titular e o recém contratado irá figurar apenas no banco de reservas. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)