Encontrar alternativas para incrementar o turismo rural na Região Metropolitana de Curitiba foi o tema do encontro que reuniu os secretários Orlando Pessuti ( da Agricultura), Edson Strapasson (Assuntos para a Região Metropolitana) e Celso Caron (do Turismo), na última terça-feira, na Secretaria da Agricultura.

Também participaram da reunião secretários municipais, representantes de associações de classe e produtores rurais de Almirante Tamandaré e Colombo, além de diretores da Ceasa, Emater, Codapar, Claspar, Iapar e da Paraná Turismo.

Para Strapasson, o setor agrícola da região metropolitana vem crescendo, principalmente na área do turismo, sendo necessárias algumas ações conjuntas para desenvolver um trabalho de forma integrada.

?Temos várias experiências na região. Alguns programas de turismo rural são muito fortes, mas precisamos continuar crescendo e, para que isso aconteça, é preciso realizar um trabalho articulado, discutindo prioridades e traçando metas?, declarou.

O secretário explicou ao vice-governador Orlando Pessuti que a Região Metropolitana de Curitiba possui atualmente 1/3 da população paranaense. ?É preciso aproveitar o potencial do agroturismo dos municípios, como forma de desenvolvimento social e econômico da região?, disse.

Celso Caron concorda com Strapasson e disse que, por ser muito importante para a economia do Estado, o turismo rural tem merecido especial atenção do Governo do Estado.

Ele lembrou que existem cerca de 322 mil agricultores familiares no Paraná, ou seja 80% das propriedades rurais. Segundo Caron, existe convênio firmado com o MDA ? Ministério do Desenvolvimento, em fase de implantação, para oferecer cursos de capacitação e de roteiros turísticos a técnicos e agricultores, visando melhorar a exploração do turismo rural.

Durante o encontro, Pessuti destacou algumas ações desenvolvidas pela Secretaria da Agricultura junto ao agricultor familiar, como a Fábrica do Agricultor e o Fundo de Aval, e propôs a criação de um grupo para trabalhar junto com as comunidades envolvidas.

?Vamos analisar todas as sugestões, e a Secretaria da Agricultura e suas vinculadas estão de portas abertas para contribuir e ajudar a desenvolver programas de forma integrada, que apresentem resultados positivos para o turismo rural da Região Metropolitana de Curitiba?, concluiu.