O setor público apresentou em março superávit primário de R$ 7 138 bilhões. Em março do ano passado, o saldo foi positivo em R$ 13,186 bilhões. O resultado ficou abaixo do piso das expectativas apuradas pela Agência Estado, que era de R$ 7,6 bilhões.

No acumulado do ano até março, o superávit primário (a economia do setor público para o pagamento de juros) foi de R$ 27,274 bilhões, o equivalente a 4,68% do Produto Interno Bruto (PIB). Nos três primeiros meses do ano passado o superávit primário foi de R$ 20,981 bilhões, que na época correspondiam a 3,89% do PIB.

Nos últimos 12 meses encerrados em março, o resultado fiscal primário do setor público ficou positivo em R$ 96,438 bilhões, o que corresponde a 4,08% do PIB. Em fevereiro, o resultado acumulado em 12 meses representava 4,36% do PIB.