Gustavo Kuerten pretende dar uma grande virada na sua carreira em 2003. Com entusiasmo e muitas expectativas, Guga revelou planos ousados para a próxima temporada, durante uma espécie de ?tarde de autógrafos? no Shopping Morumbi, em São Paulo, nesta quinta-feira, num evento de um de seus patrocinadores – a Olympikus. Entre as revelações do principal tenista do País, está a intenção de jogar o torneio de Wimbledon – que não disputa há dois anos – e o esperado investimento nas competições de saibro para recuperar rapidamente uma posição entre os dez primeiros colocados do ranking mundial.

        ?O mais difícil já passou, que foi ter a paciência para superar todas as dificuldades, a determinação de todo dia, de saber que as coisas não iriam melhorar de uma hora para outra, mas agora veio a recompensa neste final de temporada com o título no Saíupe, a final em Lyon e a certeza de que em 2003 posso voltar a jogar bem e brigar pela liderança do ranking?, afirmou Guga, que sofreu uma cirurgia no quadril em fevereiro e ficou alguns meses fora das quadras.

        ?Para a próxima temporada as expectativas são muito boas e até mesmo a Olympikus vai lançar uma série de roupas, com uma linha com o meu nome?, contou o tenista. Bem-humorado, Guga visitou no Shopping Morumbi uma exposição de fotos suas em ação, feitas pelo fotógrafo Marcelo Ruschel. Depois atendeu com paciência e simpatia uma centena de fãs atrás de autógrafos e fotos ao lado do ídolo.

        ?Já estou pensando até em virar modelo?, disse Guga depois de ver suas fotos. ?O computador hoje em dia faz milagres e acho que fiquei bonito.?

        Para cumprir suas expectativas para a próxima temporada, Guga começa o circuito mais cedo em 2003 e seu primeiro torneio, segundo anunciaram os organizadores, será no ATP Tour de Auckland, na Nova Zelândia, e na semana seguinte já disputa o Aberto da Austrália, em Melbourne.