Foto por: Jewel Samad

O sérvio Zdravko Kuzmanovic pediu desculpas aos companheiros de seleção pela mão na bola que resultou no primeiro pênalti desta Copa e no gol de Gana. Foi Gyan quem marcou, bem no fim do segundo tempo.

“Espero que os meus companheiros me perdoem”, disse, abalado. “Ainda não falei com os meus amigos (da seleção), mas pensei neles. Estou muito triste. Cometi um erro, mas não era isso que eu queria (pôr a mão na bola), só tentava chegar com a cabeça, mas bateu na minha mão”, garante.

Para o jogador do Stuttgart, esse lance no minuto 85 foi fatal para as esperanças da Sérvia, “que merecia pelo menos um ponto”. Gana venceu por 1 a 0.

A próxima partida da Sérvia será contra a Alemanha, na sexta-feira, dia 18. A equipe de Radomir Antic encerra a fase inicial na quarta, 23, diante da Austrália.