Brasília – A Medida Provisória 255, que agrega os benefícios da chamada "MP do Bem", vai contribuir para o desenvolvimento do país ao desonerar serviços, na opinião do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em uma entrevista coletiva a emissoras de rádio hoje (24), Lula disse que a lei, sancionada na segunda-feira (21), vai trazer "mais possibilidades de geração de empregos no Brasil".

Lula destacou alguns pontos da lei, como o benefício para as micro e pequenas empresas que ganharam a elevação do limite de enquadramento de R$ 120 mil para R$ 240 mil e de R$ 1,2 milhão para R$ 2,4 milhões.

Com a nova lei, a aquisição de imóveis também foi facilitada, explicou Lula. "Antes você vendia uma casa e pagava um imposto sobre a venda da casa. Agora não, se você vender uma casa e dentro de seis meses comprar outra, não tem que pagar o imposto".