O casal de fundadores da Igreja Renascer em Cristo, Estevam Hernandes e Sônia Hernandes, estão livres da prisão nos Estados Unidos. O casal, no entanto, ficará sob vigilância da polícia de Miami e não poderá deixar o local. A informação consta em uma nota divulgada pelo advogado de defesa dos Hernandes, Luiz Flávio Borges D´Urso.

De acordo com o advogado, as autoridades americanas entenderam "que o episódio nos EUA não teve qualquer relação com o processo que os dois respondem no Brasil".

Sônia e Estevam foram detidos nos Estados Unidos, no dia 9 de janeiro, ao tentar entrar no aeroporto de Miami com U$ 56 mil em dinheiro vivo escondido na bagagem, apesar de declarar apenas U$ 10 mil às autoridades alfandegárias.

Na terça-feira, 16, os fundadores da Igreja Renascer, deixaram o presídio federal nos EUA, mas ainda ficaram sob a custódia da imigração. As informações são da Revista Consultor Jurídico.